LULA PERMITE ESPECULAÇÃO COM  AÇÕES DA BG NA EUROPA –

A Petrobrás nunca falhou nos cálculos que fez para determinar a estimativa de produção dos seus campos de petróleo na plataforma continental. Recentemente, a estatal anunciou que foram descobertas reservas em três campos no pré-sal da Bacia de Santos/SP, com capacidade de produzir 8 bilhoes 100 milhões de barris. Nessa exploração a Petrobrás tem como sócia a Petrolífera Britânica  (BG), com 25% (campo de Tupi) e 30% (campos de Guará e Iracema).

Lula e o presidente da Petrobrás. Mãos sujas, imundas, poderiam ter evitado esse conto do vigário

Hoje, numa manobra suspeitíssima, certamente para alavancar as ações da BG nas bolsas da Europa, a BG está anunciando que mandou fazer uma auditoria e as reservas, “a bem da verdade”  (quer dizer: deve ser mentira mesmo) são 35% maiores do que a anunciada pela Petrobrás, aumentando assim a capacidade de lucro da BG, com reflexo nas suas ações.

Trata-se de um manobra que parece ser estimulada pela direção da Petrobrás e o Governo Lula, que teve a chance de desmentir sua parceira e nada fez até o momento. Hoje, a Europa acordou acreditando que as reservas da BG (estimadas em no máximo 2,5  bilhões de barris nos próximos anos) são excessivamente maiores, na casa dos 5 bilhões de barris. Graças à Petrobrás e a um presidente da República que alegará que não sabia de nada, que não lê jornais etc etc.. E assim deixou os britânicos caírem nesse conto do vigário

Anúncios