Rodrigo Neves se inspira na mesma tática que levou Godofredo a perder para João Sampaio, a reengenharia do caos

Maquete do Mergulhão da Marques de Paraná para desafogar o trânsito

O PT de Rodrigo Neves e Zé Dirceu acaba de dar provas de que seu candidato não passa de uma marionete do ex-Prefeito  Godofredo Pinto e Filinto Branco.

Jorge Roberto não conseguiu construir o Museu de Arte Contemporanea – MAC, em seu primeiro Governo. Durante as obras, em plena campanha eleitoral de 1992, o candidato do PT chamava a atenção para a “ameaça” que aquela obra representava para a cidade. Carros de alto-falantes  “alertavam” a população para o risco de desabamento, dizendo que havia cavernas abaixo do Museu, que operários iam morrer soterrados.

A boataria deu certo. Jornais embarcaram na onda, o Ministério  Público foi acionado irresponsavelmente. Esposas e mães não queriam seus maridos e filhos trabalhando na obra, carros não subiam a Boa Viagem, pois acreditavam no PT de Godofredo.

A tática não deu certo, pois Godofredo perdeu para João Sampaio, que pode enfim concluir o MAC  e outras obras, como o Terminal de Ônibus que Godofredo, de 2002 a 2008 transformou em feira de Bagdá.

Hoje, 20 anos depois, o PT não é mais o mesmo, é do Mensalão e Zé Dirceu e Rodrigo Neves, que resolveu adotar a mesma tática do pavor urbano e se transformou num arauto do  caos. Inspirado por Godofredo (ou seria obrigado?), Rodrigo faz exatamente igual. Como o  Museu não caiu, resolveram desvalorizar o Mergulhão.

Tal qual seu mentor Godofredo Pinto, Rodrigo Neves e o PT espalham carros de alto-falantes na ruas, “alertando” que o  Mergulhão que Jorge Roberto não teve tempo de inaugurar, vai cair. É  apavorante e parece funcionar. A mentira é assim mesmo. Funcionou em 1992, mas o MAC  continua lá, imponente para  orgulho da cidade.

João Sampaio e seu o Museu que honra Niterói e o Brasil, Marcoline foi seu Chefe de gabinete

Coitado do Mergulhão, outra obra fantástica, uma referência urbanística da cidade, foi escolhido pelo PT de Rodrigo Neves e Zé Dirceu (o mensaleiro corrupto) para levar porrada.  O PT adora um desabamento, desde que possa culpar alguém e tirar seu corpo fora. Foi assim com o Morro do Bumba e outros pontos, como se no Governo do petista Godofredo alguma coisa tivesse sido feita por aquelas famílias. Quase sete anos sem nada. Se o PT fizesse alguma interferência  não haveria nenhum desabamento… Quicá o PT não deixou de atuar de propósito, para  a bomba estourar, como de fato estourou, nas mãos  de Jorge Roberto?

O mergulhão já deveria ter sido inaugurado em agosto. Só não foi porque a empresa Escopo atrasou excessivamente o cronograma, dando margem para que Rodrigo Neves e o PT tivessem o máximo de argumentos para  especulação.

Ao  perceber a manobra da Escopo, a Prefeitura a desligou do projeto. A Escopo, então, passou a criar ambiente para aterrorizar a população, entrando na Justiça para impedir a abertura da Avenida Marques de Paraná, declarando que a mesma iria desabar. O PT ajudou a piorar a imagem. Ao invés das cavernas subterrâneas de 1992, inventou que no caminho do Mergulhão havia um rio. E a imprensa irresponsável, sempre a favor do PT de Rodrigo e Zé Dirceu, vai na onda, mesmo sabendo que é mentira.

Anúncios