O Presidente da Comissão de Direitos Humanos da Câmara Federal em ação, pilhando incautos a pretexto de cobrar dizimos dos fiés. Até reclama de uma pessoa que doou o cartão, mas não deu a senha. “Assim não vale”, reclamou. Até maquininha de cartão ele tinha à mão para tirar todo dinheiro da conta das pessoas.