Deputado mensaeiro pode ter fugigo para o Caribe com a amante
Um morto muito vivo. O deputado mensaleiro, que também passeou pela Petrobrás, amealhando milhões de reais pode estar vivo, depois que seu suposto corpo baixou à sepultura há cinco anos. Até a viúva engrossou o coro dos acham que José Janene está vivo e curtindo a vida a doidado.

Um morto muito vivo (foto da internet)

Um morto muito vivo (foto da internet)

Uma vez morto e enterrado, ficou com toda culpa do mensalação e agora do Lavajato do PP.
Janene morreu do coração e o corpo mantido em caixão lacrado, mas ninguém viu o corpo, muito menos a viúva, que agora despertou suspeita também.
A CPI quer exumar o corpo (se é que ele existe) e fazer um exame de DNA para saber se Janene está ardeno no inverno ou num paraiso da América Central.