Anúncio não foi bem recebido nas redes sociais

A Aliança Rodrigo Neves-Jorge Roberto Silveira levou uma surra na internet, evidenciando que o prefeito além de estar mal servido de assessor de imprensa está pior ainda quando se trata de assessoria digital. Em todas as publicações que se espalharam nas redes sociais, predominaram críticas veladas e compartilhamento negativo acerca da aliança.
A Aliança foi incapaz de montar uma assessoria digital para fazer face ao processo, desprezando a era das redes sociais, onde ferramentas como Whatsapp e Snapchat junto com ferramentas já consagradas como facebook e twitter desempenham papel fundamental para construção de uma boa imagem. A aliança se comporta como se esses meios fossem um elefante branco, como se não existessem, mas quando forem abrir os olhos já será tarde.

Esta eleição será vencida por quem melhor puder explorar a internet, meio pelo qual se pressionou até afastar uma presidente da República. Na internet os candidatos deverão duelar, como está fazendo, por exemplo, o delegado Antonio Rayol, que não perde tempo, compartilha, critica, bombardeia adversários com precisão.
Dispor de uma estrutura fenomenal como tem Rodrigo Neves e não a utiliza para ao menos defendê-lo na internet demonstra o quanto está despreparado para esse novo estilo de fazer campanha.

Cade a turma que tem boquinhas na Prefeitura, que nem serve para defender quem, em última análise, lhes permite desfrutar das tetas oficiais? A leitura que faço é que parecem ter vergonha de defender a aliança e preferem ficar em cima do muro para depois dizer que é quem vencer “desde criancinha”.

Só pode!