Brigaram por causa de divisão de cheirinho-da-loló

simone, a puta

Simone matou sem querer a colega de trabalho

Era a primeira vez da linda menina P., de 18 anos, no ponto das ruas Marques de Caxias com Visconde de Uruguai, Centro de Niterói. Expulsa de casa desde que se perdeu com o filho do patrão, P. cansou de ser doméstica e resolveu entrar no mercado do sexo. Mal teve tempo de gastar o dinheiro recebido na estréia, morreu numa briga com outra prostituta, batendo com a cabeça no meio-fio. Sangrou até morrer. Eram 4h30min da madrugada de hoje
A criminosa foi presa em flagrante, mas deverá ser solta, pois não teve intenção de matar. Foi ela mesma Simone souza Camilo quem chamou o socorro e não abandonou a cena do crrme. Contou na 76 DP que era uma espécie de professora de P., dando dicas de como “depenar o pato” (arrancar dinheiro dos clientes) e dividiam um vidrino de Cheirinho da loló, entorpecente barato, quando se desentenderam. Na disputa pelo que restava no frasco, Simone empurrou P., que cau batendo com a cabeça no meio-fio, sangrando até morrer. Quando chegou ao hospitl, já era cadáver.