Archives for posts with tag: supermercado

GANÂNCIA PASSOU DOS LIMITES, MERCADO FAZ PROPAGANDA DE OFERTAS QUE NÃO TEM E NEM SUBSTITUI

A Rede de Supermercados Suoermarket esta enganando os consumidores anunciando produtos a preços que nçao tem par5a vender. Na ânsia de atrair o consumidor, a rede promove campanha no rádio e televisão anunciando produtos em promoção que na verdade não existem. Depois de muito procurar, os clientes são informados que acabou o estoque.

Foi o que sucedeu ontem na filial de Piratininga, na Almirante Tamandaré. Centenas de consumidores com encartes nas mãos tentando encontrar o sabão em pó Surfe de 2 quilos, anunciado por R$ 7,98. Havia sabia Surf sim, mas de 1 quilo e vendido pelo preço anunciado na televisão e encarte promocionais.

Incrível é mesmo sem ter o produto, a atriz Cora Zobaran continua a no0 ar com o comercial da mentira. A em enganação se confirmou quando o gerente da loja de Piratininga, Sr, Antonio de Tal,  apareceu para nos explicar:

= O senhor sabe ler? Aqui está escrito “ofertas válidas enquanto durar o estoque. ”

– Mas se o estoque acabou, por que senhores continuam anunciando? Não seria o caso de suspender a propaganda, recolher os encartas ou proceder como sempre foi tradição da Família Bonifácio, substituir o produto, ainda que há outro da mesma marca, mas de peso menor?

– Nada disso! Acabou o estoque, não tem oferta – encerrou o mal-educado gerente, que parecia incomodado com a clientela que foi atraída pela propaganda enganosa.

O pior é que a enganação começou no dia 1 e vai até de 10 de janeiro. Segundo o Procon, quando a propaganda persiste não havendo mercadoria em estoque, o mercado a substituir o mesmo produto por outra marca de preço igual ou superior ao que está sendo anunciado

Cadê o Procon? E a Polícia para fazer valer nosso direito?

 

Encontradas fezes, sangue, semem e muita, muita meleca nas alças –

Quem diria, inofensivos carrinhos de compra são os maiores transmissores de doenças… Em suas alças foram encontrados vestígios de fezes, sangue, semem, ranho e monco. Uma recente pesquisa feita pelo cientista Charles Gerba , da Universidade do Arizona/USA, este ano.

 

Ele percorreu quatro estados americanos, onde já é obrigatório o uso de toalhas desinfetantes nas lojas e supermercados. O resultado é mesmo assustador. Descobriu-se que 72% — 3 em cada 4 — dos carrinhos testados os testes deram positivos — infectados — com a bactéria fecal, contendo a bactéria Escherichia Coli, também conhecida como E.coli., Algumas cepas são inofensivas, mas outras podem até matar, vai saber… O pior: a maioria das casas comerciais higieniza melhor seus banheiros do que seus carrinhos de compra. Exagerando, melhor seria uma criança lamber um vaso sanitário do que a alça de um carrinho, como vemos com freqüência.

Enquanto não encontra um responsável, embora filmagens têm mostrado a aplicação de monco e ranho direto do nariz à alça (mas que mania dos americanos de se preocuparem em distinguir o que é meleca e o que corisa!, pra mim é tudo igual), os cientistas recomendam lavar bem as mãos, antes e depois das compras, principalmente das crianças (o melhor pra saúde e pro bolso é não levá-las).

Na seção de hortifruti, está o grande perigo. Sabe aquele toque no tomate, no pêssego, na ameixa? É meio caminho para a morte. Se todo mundo, com as mãos cheias de fezes, esperma, meleca, sangue e tudo mais, manusearem peras, uvas e maças (e como manuseiam aqui no Brasil), é uma contaminação em grande escala. É o conceito: a mão que põe fezes, meleca e tudo mais nas alças dos carrinhos é a mesma que emporcalha as frutas e legumes.

Ai, meu Deus! Tamos perdidos!

O professor Gerbe observa que os resultados do estudo descobriram que as crianças andando em carrinhos de compras são mais propensas que outras a desenvolver infecções causadas por bactérias como a Salmonela e Campylobacter. Recomenda limpar bem as alças dos carrinhos ou forrá-las com uma toalha antes de sentar seus bebes

Vou fazer um projeto de lei para o Rio. Ah se vou..